• P3DMed

O que é guia cirúrgico em implantodontia?

Previsibilidade cirúrgica, eficiente e prática.

O guia cirúrgico é responsável pela transferência precisa do planejamento virtual para o procedimento cirúrgico, possibilitando realização de cirurgia sem retalho, podendo ser ósseo, dento ou muco-suportado. Depois de planejado de acordo com a anatomia do paciente e aprovado pelo cirurgião, o guia cirúrgico é confeccionada pela P3Dental em máquinas de prototipagem e impressoras 3D de acordo com suas necessidades. Com tecnologia de ponta e matéria prima certificada, nossa central de prototipagem proporciona a precisão necessária para a confecção do guia do paciente.

Este dispositivo permite a execução de trabalhos precisos e seguros.

Fatores como resultados estéticos satisfatórios começou a se tornar uma rotina, tanto por pacientes como por profissionais também. Fazendo com que os Implantodontistas criassem dispositivos que os permitissem alcançar o melhor resultado possível.

A avaliação do paciente começou a ser mais criteriosa já mesmo na anamnese e nos exames complementares, e as tomografias passaram a ter uma grande importância para o início do planejamento.

      Contudo, a posição do implante continua sendo um fator determinante para o sucesso do tratamento.


software o Implantodontista começa a definir onde e quantos implantes serão instalados. O guia cirúrgico possibilita essa continuidade entre a restauração planejada pelo enceramento de diagnóstico e as fases cirúrgicas, e além de orientar a instalação dos implantes pode também auxiliar manobras regenerativas, bem como auxiliar nas tomadas radiográficas e tomográficas dos casos.

      Os guias cirúrgicos têm por objetivo:

  1. Permitir ao profissional uma prévia visualização da posição ideal do implante de tal forma que o profissional possa prever a direção de emergência da prótese, bem como a angulação para melhor distribuição da carga.

  2. Orientar o profissional no ato cirúrgico durante as perfurações ósseas e subseqüente instalação dos implantes.

  3. Em caso da topografia óssea, não permitir a instalação dos implantes nas posições pré-determinadas: o guia cirúrgico deve auxiliar na tomada de decisão do Implantodontista da necessidade de enxertos ósseos ou dos novos locais a serem instalados os implantes.

Quer saber como você faz para realizar um caso ?

Acesse: www.p3dental.com.br/profissional e solicite seu guia cirúrgico.

#Implantesemcorte #guiacirurgico #guiacirúrgicoimplante #CirurgiaGuiada #odontologia

282 visualizações0 comentário